Efeitos colaterais do Gardenal a longo prazo

Efeitos colaterais do Gardenal a longo prazo

gardenal efeitos colaterais a longo prazo

Gardenal, nome comercial de fenobarbital, atua em sistema nervoso central e cérebro.

Anúncios

Tal remédio controla ataque epiléptico, alivia ansiedade ao atuar como sedativo.

Os barbitúricos como gardenal podem gerar dependência, assim, apenas devem ser ingeridos sob orientação do médico.

Anúncios

Ação do Gardenal no organismo

Esse remédio é destinado para prevenir surgimento das convulsões nas pessoas com epilepsia (a enfermidade do sistema nervoso central que gera ausências ou convulsões do paciente), ou as crises convulsivas de mais origens.

Fenobarbital, princípio ativo para gardenal, se caracteriza barbitúrico apresentando propriedades sedativas e anticonvulsivantes, por causa de capacidade de aumentar limiar da convulsão, que é quantidade dos estímulos necessários a gerar convulsão, já que atua em sistema nervoso central.

O tempo médio do começo da ação corresponde a 1 hora depois de administrar via oral.

Efeitos Colaterais do Gardenal gerados pelo uso constante

Alguns comuns efeitos colaterais gerados por uso de gardenal são descoordenação motora, tontura, instabilidade e sensação da cabeça leve.

Mais reações adversas geradas por gardenal fazem inclusão de insônia, ansiedade, nervosismo, irritabilidade, dor de cabeça, vômito, pesadelos, enjôo.

A superdosagem deste remédio pode induzir o paciente a ficar emotivo, não acordar, ou confuso.

Procurar o médico de modo imediato se os lábios, pálpebras, ou rosto tiverem inchaço, ou aparecerem feridas na boca e nos lábios.

A tonalidade amarelada em pele se caracteriza mais um indício do efeito colateral grave provocado por utilização de gardenal.

Interações Medicamentosas

Site Herbs 2000 afirma que gardenal, mesmo administrado segundo orientações médicas, pode ter interação com medicamentos que tenham propriedades sedativas.

E pode reduzir eficiência dos anticoagulantes, como varfarina, e determinados betabloqueadores, como tartarato de metoprolol e propanolol.

Em determinados casos, paroxetina e bupropiona interagem de forma negativa com gardenal, reduzindo sua eficiência.

Mais uma questão de importância é o fato de gardenal poder reduzir eficácia dos contraceptivos orais.

O mesmo pode ocorrer com pacientes que usam simultaneamente antidepressivos tricíclicos, como amitriptilina, e gardenal.

Evitar ingerir vitamina C, já que esta aumenta eficiência de fenobarbital, assim como fumo e álcool.

Cuidados Especiais

Gardenal se mostra substância controlada e somente pode ter prescrição pelos médicos.

Evitar tomar remédio se necessitar dirigir ou na operação de maquinário pesado.

Não ingerir mais do que a dose de recomendação pelo médico e seguir as instruções de modo religioso. Utilizar gardenal por períodos de tempo longos sob supervisão do profissional demanda monitoramento regularmente.

Quando for momento de não mais usar esta droga, reduzir gradualmente dose de remédio e consultar o médico.

E muitos têm dúvida se esquecerem de utilizar este remédio. Se esquecer-se da administração de uma dose, administrar a mesma assim que for possível.

Mas, se estiver perto da hora da seguinte dose, aguardar por esse horário, a respeitar sempre intervalo estabelecido por posologia.

Nunca duas doses devem ser administradas simultaneamente.

No caso das dúvidas, procurar orientação do médico, dentista, ou farmacêutico.

Aliás, quando se fala de remédios ou observação de algo errado com a própria saúde, a consulta com o médico é fundamental, para orientação adequada de quais ações e remédios são necessários para tratar.

Leia também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.