Grávida Pode Comer Gengibre? Tomar chá para gripe? - Será Que Pode

Grávida Pode Comer Gengibre? Tomar chá para gripe?

gravida pode tomar cha de gengibre para gripe?

O gengibre é bastante utilizado nos remédios caseiros, e são bastante populares as propriedades benéficas deste alimento, no entanto, há contraindicações em consumir gengibre.

Anúncios

Isto por vezes ocasiona várias dúvidas na gestação, as grávidas não sabem se podem consumir gengibre.

O gengibre se caracteriza raiz que possui propriedades medicinais:

  1. elimina flatulência,
  2. controla náusea,
  3. alivia dor nas articulações e cólicas,
  4. possui propriedades afrodisíacas e antiinflamatórias,
  5. e tal raiz auxilia no emagrecimento.

Mas, tais efeitos são muito diferentes se a pessoa está grávida.

Nos iniciais 3 meses da gravidez, tal raiz tem proibição de entrar na dieta, já que pode gerar aborto espontâneo.

Nos seguintes meses também não é recomendado, tal raiz tende a elevar pressão e as gestantes já possuem a tendência para desenvolvimento da pressão alta.

Consumo do Gengibre na Gestação

Consumir gengibre depois dos 3 meses da gravidez tem liberação, apesar de não ser recomendado a algumas grávidas, porém, deve conversar primeiro com o médico.

Há benefícios do consumo de gengibre na gravidez, apenas deve consumir nas doses muito regradas.

Se a mulher for hipertensa, ou a tensão disparar com a gestação, não pode usar gengibre na alimentação.

O gengibre é capaz de aliviar enjôo matinal, o que é notícia positiva às gestantes.

Deve realizar infusão do chá com pedaços do gengibre, coando anteriormente a consumir, se usar gengibre em pó não deve passar da dosagem de 1 grama diária.

Com determinados cuidados é possível consumir quase tudo, quando houver dúvidas acerca da alimentação, conversar com o médico e seguir as orientações dele.

Alimentos Proibidos para Grávidas

Quando uma mulher está gestante, esta deve ter atenção com sua alimentação, há alimentos que não devem ser ingeridos pelas grávidas, são estes:

  • mariscos
  • carne e peixe mal cozinhado ou cru
  • pimenta ou derivados
  • saladas prontas, devendo sempre preparar a salada para certificar-se de estar higienizada adequadamente
  • amendoim
  • ovo mal cozinhado
  • abacaxi, evitar em 3 iniciais meses da gestação
  • pêssegos
  • mamão verde, que apresenta enzima que pode gerar aborto
  • maçã verde, também pode gerar aborto

Deve haver algumas preocupações com consumo dos alimentos se desejar manter gravidez saudável, procurar nutricionista, que ajudará nesta tarefa.

Leia também:

Enjôo na Gestação

O enjôo existe realmente, e é algo comum pelos 3 iniciais meses da gravidez, incomodando a maior parte das grávidas.

De acordo com o IBGE, aproximadamente 3 milhões de mulheres brasileiras sofrem com vômito e náusea na gravidez.

Consumir um chá, como exemplo, pode ser capaz de aliviar um pouco a sensação, no entanto, algumas orientações médicas sobre alimentação auxiliam bastante como beber quantidades pequenas do líquido muitas vezes pelo dia, em especial sucos de frutas e água.

Consumir nas pequenas quantidades a cada 3 horas, para que o estômago não fique vazio. Comer biscoito seco, de tipo água e sal, ao levantar.

Evitar os itens gordurosos, picantes, ou condimentados, e ingredientes em que o cheiro causa incômodo.

Fazer escovação de dentes usando pasta que não gere náusea.

E, quando em crise de enjôo, deitar-se e aguardar passar. Dormir o mais que for possível, relaxar o corpo e a cabeça.

Vídeo | Gengibre na Gestação

Vídeo | Gestante pode consumir?