Como montar uma empresa de limpeza (Passo a Passo)

Como montar uma empresa de limpeza (Passo a Passo)

como montar uma empresa de limpeza

Veja neste conteúdo especializado como montar uma empresa de limpeza, através de uma boa localização, qual será o investimento necessário e como conseguir os primeiros clientes.

Anúncios

Você é novo por aqui? Cadastre agora seu e-mail em nossa página e não perca todas as nossas atualizações e novidades sobre empreendedorismo e negócios no setor de limpeza.

Leia este artigo até o final para conhecer casos de sucesso e uma dica extra para você ganhar dinheiro na prestação de serviços de limpeza.

Anúncios

Como dica extra veja também uma palestra completa em vídeo de um especialista sobre como montar passo a passo.

Anúncios

Vale a pena montar uma empresa de limpeza?

Prestar serviços de limpeza e conservação de ambientes pode ser uma excelente forma de ganhar dinheiro e ter um negócio lucrativo.

Como este segmento você tem a possibilidade de atuar tanto em residências, prédios obras e comércios, ou seja, um setor com alta taxa de escala.

Portanto sim, vale a pena e é muito lucrativo investir na abertura de uma empresa de limpeza.

Neste artigo especializado vamos tratar sobre:

  • Principais vantagens.
  • Concorrência.
  • Localização ideal.
  • Espaço e estrutura.
  • Equipamentos e móveis.
  • Investimento inicial.
  • Faturamento.

Vantagens dos serviços de limpeza

Separamos 04 motivos pelos quais montar uma empresa de serviços de limpeza pode ser um bom negócio!

  1. Mercado em crescimento.
  2. Alta demanda pelo serviço.
  3. Baixa concorrência.
  4. Baixo nível de especialização para iniciar.

Em outras palavras, se bem administrada e com estudo de mercado uma empresa de limpeza tem tudo para dar certo.

Concorrência no setor de limpeza

A concorrência do setor é moderada com uma média de 1 ou 2 concorrentes para cada 50.000 mil habitantes.

Estamos falando de empresas especializadas em serviços de limpeza e conservação.

Neste caso sua empresa vai disputar mercado com compensadores de serviços autónomos, como por exemplo: diaristas.

No geral podemos destacar que é um mercado bom, com ótimos ganhos e relativamente fácil de entrar, com tudo o famoso preço baixo é muito explorado.

Como uma solução para evitar isso você pode se especializar em uma área que não seja tão refém do baixo preço, como por exemplo limpeza pós-obra, de estofados etc.

Como precificar os serviços de limpeza?

Separamos duas dicas para você precificar os serviços de sua empresa conservação e limpeza!

Dica 01.

Uma empresa de serviços de limpeza tem custos fixos elevados, por isso antes de colocar preços dos serviços é preciso colocar todos os custos na ponta do lápis.

É importante saber quanto precisará gastar com funcionários, aluguel e de quanto será sua retirada de pró-labore.

Feito isso, baseado em todos os custos e na margem de lucro desejada, você pode fazer a precificação.

Se os preços estiverem mais caros que os concorrentes, foque em criar diferenciais competitivos para que os clientes aceitem pagar um pouco mais em troca de benefícios e qualidade superior.

Dica 02.

Evite entrar no mercado com preços inferiores ao dos concorrentes, alguns reagem também abaixando os preços, o que pode causar uma guerra de preços e todos no final saem perdendo.

Prefira se posicionar com diferenciais e não com preços baixos!

Trabalhe com diferenciais competitivos, como por exemplo: pontualidade, atendimento, trabalhe com produtos de limpeza de qualidade, ofereça serviços extras como brinde.

Isso com certeza força positivamente que seus potenciais clientes te recomendem e coloquem sua empresa como primeira opção!

Localização da empresa de limpeza

A localização deste tipo de negócio não é decisiva, raramente um cliente procura pelo serviço de limpeza andando pelo centro.

O que acontece neste caso é a busca no Google, nas redes sociais e listas telefônicas.

Sim acredite, algumas pessoas ainda usam lista telefónica, por isso montar a empresa mais afastada da região central pode ser uma boa ideia.

Ao se fazer isso consegue-se economizar no aluguel e investir esse capital recorrente em outra área, como por exemplo: no marketing, onde consequentemente trará mais clientes.

05 tipos de empresas de limpeza

Com base no cliente final podemos dividir as empresas de limpeza em diferentes tipos ou modalidades, os mais comuns são:

  1. Limpeza Residencial.
  2. Em condomínios.
  3. Pôs obra .
  4. Limpeza de estabelecimentos comerciais.
  5. Limpeza em ambientes públicos.

Faça um estudo na sua região para descobrir qual das áreas é a melhor opção para trabalhar e se existem clientes.

Vale lembrar que o investimento inicial e os custos do negócio variam de uma modalidade para outra.

Espaço e estrutura

Uma empresa de limpeza precisa armazenar equipamentos, roupas, dezenas de materiais e produtos, por isso o ideal é que o ponto comercial tenha uma metragem mínima de 90 metros quadrados.

Essa estrutura será dividida entre:

  • Recepção.
  • Setor administrativo.
  • Estoque.
  • Vestiários.

Dependendo do tráfico de clientes que você espera receber, pode ser interessante montar um estacionamento.

Equipamentos e móveis no setor de limpeza

Os equipamentos para desempenhar as atividades e móveis confortáveis (principalmente na recepção) são indispensáveis.

Você precisa tomar cuidado para acertar na escolha e ao mesmo tempo evitar gastos desnecessários com equipamentos que não utilizará, ou até mesmo em móveis caros sem necessidade.

Faça uma boa análise, inclusive verifique a viabilidade de comprar itens usados, isso porque muitas vezes estarão em perfeito estado e é possível economizar até 40%.

Dentre os móveis e equipamentos estão:

  • Balcão de atendimento.
  • Cadeiras.
  • Armários organizadores.
  • Computador.
  • Lavadoras de alta pressão.
  • Aspirador de janelas.
  • Varredeiras.
  • Extratoras.
  • Enceradeiras.
  • Luvas.
  • Balde espremedor.
  • Carrinho de limpeza e muitos outros.

Funcionários da empresa de limpeza

Afinal, quantos funcionários são necessários para abrir uma empresa de limpeza?

Isso dependerá do porte de seu negócio!

Uma empresa de pequeno porte pode funcionar com até 04 funcionários, dos quais 03 serão responsáveis pela prestação dos serviços aos clientes e 01 responsável pelo atendimento e caixa do negócio.

Normalmente o ideal é começar com o número mínimo de funcionários e ir expandindo na medida que for aumentando a clientela.  

Qual será o investimento inicial?

Falar um número exato que você vai investir sem conhecer todos os dados de seu futuro negócio de limpeza poderá ser um mero palpite.

Devemos considerar alguns fatores:

Quantos clientes sua empresa de limpeza espera atender? Isso impactará no valor de capital de giro e gasto com equipamentos.

A estrutura do ponto comercial precisa de adaptação? Os equipamentos serão novos ou usados? Podemos resumir aqui, porque haverá tantos outros!

Mas como sabemos que você vai precisar de uma estimativa de valor, a fim de analisar se é um bom negócio baseado no seu planejamento financeiro, utilizamos dados de outros empreendedores do segmento de limpeza, veja a seguir.

Lembrando, essa é uma estimativa e pode variar para mais ou para menos dependendo do porte de seu negócio.

O investimento médio para montar um empresa de limpeza de pequeno porte varia entre R$50.000 a R$70.000 mil reais.

Vídeo | Palestra de como montar passo a passo

Agora é com você. Deixe um comentário abaixo!

Gostou deste artigo? Ficou com alguma dúvida não esclarecida em nosso conteúdo?

Escreva abaixo um comentário, será um enorme prazer poder ajuda-lo(a).

Leia também: Como revender Apple no Brasil (Iphones e acessórios) e como ganhar dinheiro com Quadros Decorativos.

Desejamos a você ótimos negócios!

1 comentário
  1. Adelmira Formighieri Alves Diz

    ola boa tarde gostei muito das dicas foram de grande inportância para mim.
    meu muito obrigado .

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.