Grávida Pode Comer Canela? Mito ou verdade!

Grávida Pode Comer Canela? Mito ou verdade!

gravida pode comer canela e gengibre
Veja neste artigo a verdade sobre os efeitos da canela na gravidez!

Afinal, pode ou não pode comer canela na gravidez?

Anúncios

Na gestação, o fator alimentação se caracteriza de importância, já que os nutrientes consumidos serão de forma literal alguns dos materiais que construirão as estruturas corporais do bebê.

E, pelo final das contas nutricionais, é a gestante que sai em prejuízo.

Se os nutrientes não estiverem em disponibilidade na alimentação da grávida, o feto vai absorver os estoques da mesma.

Assim, é fundamental a atenção com contaminação e composição de alimentos. O equilíbrio necessita estar presente não apenas em tipos de alimento, porém, em quantidade.

Trata-se de mito que a grávida necessita se alimentar por dois!

É essencial lembrar que o feto possui necessidades de caloria bem inferiores que a grávida.

Em torno de 300 calorias a mais diariamente são suficiente em mulher de peso normal, partindo do segundo trimestre.

No entanto, além da garantia de ingredientes de primeira qualidade e em adequada quantidade, ingerindo alimentos com nutrientes balanceados e diversos, tudo moderadamente, é necessário ainda ter cautela com determinados itens.

Os principais alertas com alimentos na gestação têm relação com transmissão das infecções, a correta nutrição e oxigenação do feto, ou substâncias que possam modificar o desenvolvimento dele.

Para que seja prevenido qualquer perigo, é importante ficar de olho em determinados alimentos do cardápio da gestante de antes.

Canela É Permitida na gravidez?

Sobre a canela, nem em chá, nem em forma de pó. Sempre houve a lenda de que chá de canela possui efeitos abortivos.

Porém, na realidade tal questão abrange ainda mais a canela, já que a mesma, em chá ou no pó, aumenta contrações uterinas.

Por isso, não tem indicação às grávidas, seja na forma da bebida, ou polvilhada nos alimentos.

O aborto apenas seria causado quando a mesma é ingerida nas grandes quantidades, no entanto, como não se sabe a quantidade, é ideal evitar consumir.

Aquecimento de Pratos que Levam Ovo

Mais um assunto de dúvida sobre a alimentação da gestante diz respeito ao ovo. O ovo é mais uma fonte de bactérias, em especial de salmonela.

A maior parte deles é atualmente pasteurizada.

No entanto, como a gestante possui sistema imunológico de maior sensibilidade, é importante ter atenção com pratos que levam o ovo cru, por exemplo, o sorvete caseiro, molho de salada, que devem ser posicionados em categoria de alerta.

A salmonela em gestante pode apresentar-se não apenas gerando problema no intestino, porém, na sua forma de gravidade, com contaminação de circulação materna.

Leia também:

Atenção ao Lavar Vegetais

Atenção com os vegetais, os vegetais apresentam também risco das infecções listeria, toxoplasmose, e salmonela. Assim, é fundamental higienizar adequadamente os legumes e folhas.

Há vários produtos para limpar e particulares, que se caracterizam soluções com hipoclorito de sódio.

A água sanitária particular para esta ação tem distribuição em postos de saúde ainda.

Porém, é necessário realizar um último enxague em água corrente depois de colocar em mistura dela mais água.

Mais um perigo de vegetais sem higienizar se encontra em agrotóxicos que são usados em lavoura, pois os efeitos em feto não são conhecidos.

Vídeo | Chá de canela é abortivo?