Jovem Aprendiz SENAI: Conheça o programa e veja como fazer parte

Jovem Aprendiz SENAI: Conheça o programa e veja como fazer parte

O Jovem Aprendiz do Senai oferece vários tipos de cursos para atuar em diversos setores da Indústria, essa instituição é privada, porém com fins públicos e as unidades estão espalhadas em todos os estados do Brasil. 

Anúncios

O seu principal objetivo é formar e qualificar jovens brasileiros para o mercado de trabalho.

Tudo isso acontece por meio do Programa Jovem Aprendiz que tem parcerias com muitas empresas, principalmente de grande e médio porte e que podem ser acessadas em todo território nacional. 

Anúncios

Segundo o que é estabelecido pela Lei de Aprendizagem, todas as empresas que atingem determinado número de colaboradores deverão contar com a ajuda de 15% de funcionários exercendo a função de aprendiz.

Anúncios

Neste ano, a parceria entre o Senai e empresas do Brasil todo, acabou possibilitando a oferta de 61.218 mil vagas jovem aprendiz.

Ficou interessado no assunto? Então confira este artigo até o final e saiba tudo sobre o programa!

Como fazer parte do programa Jovem Aprendiz Senai? Entenda!

Não é todo mundo que pode contar com os benefícios desse programa, já que para ser Jovem Aprendiz o cidadão precisa cumprir alguns requisitos, tais como:

  • Ter entre 14 e 24 anos;
  • Estar estudando a partir do 9º ano do Ensino Fundamental, da Educação de Jovens e Adultos (EJA) ou ter finalizado o Ensino Médio. 

Para se inscrever é necessário ficar atento na plataforma online do Senai e os processos seletivos são realizados pelas empresas parceiras deste programa.

Isso significa que há diferentes processos seletivos dos jovens. 

Detalhes sobre o programa do Senai

O contrato de quem conquista uma vaga é de até dois anos e a carteira é assinada, consequentemente o cidadão acaba conseguindo aproveitar alguns benefícios, como a remuneração, FGTS, férias, etc. 

Todo estudante contratado vai precisar cumprir a jornada de trabalho e marcar presença no curso que é realizado pelo Senai, só assim ele garante a qualificação necessária.

A carga horária para o Jovem Aprendiz é de seis horas para aqueles que não concluíram o Ensino Fundamental, já quem finalizou essa etapa irá enfrentar oito horas diárias.

Saiba que a remuneração terá o cálculo realizado baseado no salário mínimo / hora e poderá mudar de acordo com a área em que cada aprendiz atua. 

Ainda que o programa siga as regras da aprendizagem, o seu formato é bem mais digital, isso significa que ele é alinhado com todas as necessidades da indústria pensando na questão tecnológica. 

Cursos de formação Jovem Aprendiz Senai!

Conheça abaixo alguns dos cursos disponíveis:

  • Tecnologia da Informação e da Comunicação:
  • Metalmecânica:
  • Manufatura avançada

Segundo o que o Senai propõe, a escolha de cada área para participar do programa é de cada Jovem Aprendiz, quando o período como aprendiz finalizar, o jovem poderá aproveitar para continuar os estudos, até mesmo dentro do Senai. 

Não se esqueça que o Senai é o maior complexo de formação profissional e de serviços envolvendo tecnologia em toda América Latina e marca presença em mais de 3200 cidades do Brasil, contando com 683 unidades fixas e 487 do tipo móvel.

Pode ser a oportunidade perfeita para você crescer de forma profissional e tornar a sua trajetória incrível. 

Agora é com você!

Descobriu tudo sobre o Jovem Aprendiz do Senai? Fique atento às oportunidades na plataforma da instituição para conseguir entrar em uma empresa que agregue valor ao seu currículo. 

Gostou do artigo? Compartilhe-o!

1 comentário
  1. Gustavo De Jesus Silva Diz

    Queria um trabalho no jovem aprendiz,para ganhar experiência para meu futuro

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.